Madre Mazzarello

Foi em Mornese, norte da Itália, na região do Monferrato, que no dia 9 de maio de 1837, nasceu Maria Domingas Mazzarello, filha de José Mazzarello e de Maria Madalena Calcagno. Foi a primeira de dez filhos. Quase todos os dias, bem cedo, Maria percorria um íngreme caminho para participar da missa. No inverno, esse percurso ficava ainda mais difícil, devido ao frio e à neve.

Em 1860, o tifo se abateu sobre o povoado de Mornese. A família dos tios de Main (como era carinhosamente chamada) foi uma das primeiras a contrair a doença. Maria foi ajudá-los, mesmo sabendo que poderia adoecer, o que realmente aconteceu. A partir daí, o rumo de sua vida mudou completamente. Não podendo mais trabalhar no campo, decidiu aprender a costurar, para ensinar as jovens da sua pequena cidade. Com Petronilla, sua amiga, montou uma sala de costura e começou a ensinar o ofício.

Certa vez, ao caminhar pela colina de Bargo Alto, viu diante de si um alto edifício com muitas meninas correndo, brincando num grande pátio interno e ouviu nitidamente estas palavras: “Tome conta destas meninas! A ti as confio!”

Em 1864, Dom Bosco chegou a Mornese com seus meninos. Todos queriam vê-lo e ouvi-lo. Maria também... Dom Bosco expôs ao Pe. Pestarino seu projeto: construir um colégio para os meninos. Antes de partir, ficou conhecendo as iniciativas de Maria Mazzarello e Petronilla: a oficina de costura, o orfanato e a recreação aos domingos para todas as crianças do povoado. Dom Bosco se empolgou com o trabalho delas e propôs a fundação de um instituto feminino que fizesse pelas meninas o que ele fazia em Turim para os meninos.

No dia 5 de agosto de 1872, na Capela do Colégio, 11 jovens -entre elas Main- emitiram os votos religiosos e se consagram a Deus, constituindo as Filhas de Maria Auxiliadora (FMA), patrimônio vivo da gratidão de Dom Bosco à Maria Auxiliadora.

Madre Mazzarello

Assista o filme: Main, a casa da felicidade

Dez ensinamentos de Madre Mazzarello

  • “Estás alegre? Seja-o sempre. Une-te intimamente a Jesus, trabalha para agradar somente a Ele”. Madre Mazzarello
  • ​ “No teu agir pensa sempre: isto me servirá para a eternidade?” Madre Mazzarello
  • ​“...estuda também a linguagem da alma com Deus, Ele te ensinará a verdadeira ciência, a de fazer-te santa”. Madre Mazzarello
  • ​ ​“É preciso recolhimento em nosso coração se quisermos ouvir a voz de Jesus”. Madre Mazzarello
  • ​“Devemos corresponder generosamente ao chamado do Senhor e fazer-nos santas”. Madre Mazzarello
  • ​“Coragem, coragem e sempre uma grande alegria; este é o sinal de um coração que ama tanto o Senhor”. Madre Mazzarello
  • ​ “Estejam sempre alegres... e disputem no exercício da humildade e da caridade”. Madre Mazzarello
  • ​ “Arme-se de coragem, Jesus deve ser toda a sua força. Com Jesus os pesos se tornam leves, os cansaços suaves, mas você deve vencer a si mesma...”. Madre Mazzarello
  • ​​“Veja bem, é preciso estudar os temperamentos e saber compreendê-los, a fim de chegar a um bom resultado; é preciso inspirar confiança”. Madre Mazzarello
  • “Confie em Jesus, coloque todos os seus problemas no Coração dele, deixe-o agir; Ele acertará tudo. Esteja sempre alegre, sempre animada”. Madre Mazzarello
Praça 8 de abril, 151, Centro, Araras/SP
(19) 3541-1232
secretaria@insararas.com.br

Horário de
Funcionamento

Escola:
das 7h às 18h30
Tesouraria:
das 7h30 às 16h30
©2020 - INSA Araras - Educação Infantil, Fundamental e Ensino Médio. Todos os direitos reservados.